Produção de veículos no Polo Industrial em Manaus sofre queda em sua produção

A revolução industrial contribuiu bastante para impulsionamento das industrias brasileiras, um dos setores que mais cresceu foi o fabril que contribuiu bastante para o desenvolvimento de maquinas tecnológicas em outros setores, foi assim que se desenvolveu o Polo Industrial de Manaus (PIM), tendo atualmente forte impacto econômico nacional.

O PIM concentro diversas empresas tecnológicas concentrando milhares de funcionários, porem enfrentam a pandemia que trouxe diversos problemas, como o distanciamento e também queda em compras para os clientes finais, um desses setores que sofreu foi o motocicletas em que as fabricas tiveram interrompimento parcial em sua fabricação, tendo a Honda tão conhecida pelo lançamento da HONDA BIZ 2022 que apresenta baixo consumo

No inicio da pandemia ainda não sabíamos bem o que iriamos enfrentar, a produção continuou de janeiro até agosto, 588.495 motocicletas, foi onde a produção começou a sofrer com vários efeitos da economia e teve que ser interrompida.

Estamos atualmente com 2 anos de pandemia que pode prejudicar o lançamento de motos em 2022, caso o percentual de vendas não tenham forte índices de retomada, que é provável que não aconteça em um curto período.

De acordo com a (Abraciclo) Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, só em 2020 o setor registrou queda de 20% em comparação ao ano anterior.

Em comparação aos meses de janeiro até agosto é de 588.495 motocicletas fabricadas, o que configura 155.061 a menos do que o mesmo período de 2019.

Porem acreditamos que a maior queda se concentra no ano de 2021 mais ainda não temos dados que comprovem essa terrível situação do setor automobilísticos, principalmente o de motos.

Isso pelo fato de muitas empresas fecharem as portas e assim causando milhares de demissões em todo país, até medidas do Governo que flexibilizaram o horário de trabalho e também o salário para que todos pudessem sobreviver e assim sair dessa situação mais rapidamente.

Para reduzir o espalhamento da pandemia foram tomadas diversas medidas de acordo com o protocolos de segurança contra a Covid-19, tendo a retomada gradual de produção iniciada em maio.

Com a aceleração da vacinação em massa, tem dados índices de crescimento e a produção volta timidamente, pode demorar um pouco até as coisas voltarem ao normal, o melhor aos mesmos números de consumo que tínhamos anteriormente.

Mesmo com a elevação na produção de motos são realizadas para que o setor não tenha muitos prejuízos, conforme o mercado de consumo nesse setor.

Mais acreditamos numa retomada mais rápida, isso pelo fato de entregas com motos se manteve instável, como Feed Food e muitos outros produtos, isso tem ajudado o crescimento na produção de motocicletas e aos poucos o crescimento vai avançando até que volte ao patamar que tínhamos anteriormente.

Até pelo fato de veículos de 2 rodas terem um preço muito mais em conta e menor custo de manutenção e maior rapidez no transito, mesmo as vendas terem caído, as motos sustentaram diversos setores da economia.

O setor online teve crescimento e com isso as motos foram ganhando espaço nesses serviços propiciando entregas super rápidas, agora temos que acreditar no crescimento, principalmente no Polo Industrial em Manaus que tem uma boa fabricação de motos e distribuição para todo o Brasil.

E possamos acreditar que isso pode impulsionar outros setores para fazer nosso Brasil crescer rapidamente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *